Seguro de Alianças de Casamento: vale a pena? Conheça!

Não quer perder seu precioso bem? veja como funciona o seguro de alianças de casamento!

Quem se casa com aliança e tudo, sabe que além do valor material das jóias, muitas vezes o valor emocional envolvido é bem maior. E com certeza, ninguém gostaria de ser roubado e ficar sem nada. Pensando nisso é que algumas empresas tem oferecido o seguro de alianças de casamento, ou mesmo um seguro para jóias dedicado a isso. No artigo de hoje você entenderá como funciona, acompanhe conosco.

Como funciona o  seguro de alianças de casamento

A fim de proporcionar segurança aos consumidores de joias e relógios, algumas empresas seguradoras oferecem seguro contra roubo ou furto qualificado, inclusive para peças em uso por seus proprietários. Em caso de sinistro, com o boletim de ocorrência e a nota do produto, o segurado tem direito à reposição da peça, independentemente do valor. O serviço em breve estará disponível e será oferecido ao consumidor no momento da compra do produto, diretamente por joalherias. A apólice custará 5% do valor da peça e terá validade de um ano.

seguro de aliança de casamento

Como costuma funcionar?

Algumas seguradoras oferecem a apólice do tipo all risks. Nesse caso, é possível contratar a cobertura mais adequada para cada caso. O interessado pode optar por uma apólice com ampla abrangência ou somente em território brasileiro. Também pode escolher se deseja que a cobertura abranja residência e cofre do banco.

Há corretoras que oferecem seguro específicos para joias e relógios. As apólices asseguram cobertura contra roubo ou furto qualificado, inclusive para peças em uso por seus proprietários. Em caso de sinistro, com o boletim de ocorrência e a nota do produto, o segurado tem direito à reposição da peça, independentemente do valor.Embora algumas de suas jóias possam ser cobertos por uma política de seguros residencial estendida, pode valer a pena segurar suas alianças em separado, se o valor for superior ao que é coberto pelos seguros já existentes.

É preciso avaliar as jóias.

O ideal é ter a nota fiscal da compra das alianças. caso isos não seja possível, terão que ser encaminhas a um joalheiro de renome no mercado para que ele possa avaliar e assinar isso.

Quanto custa fazer o seguro?

As apólices específicas para esses artigos costumam custar 5% do valor da peça, com validade de um ano. Essa taxa pode variar de acordo com o seu perfil e com o valor do anel ou aliança. Você pode optar por um seguro com ou sem franquia – aquele valor que o segurado paga para ativar os serviços da seguradora

Vale a pena?

É claro que isso vai muito da opinião de cada um, mas – tendo em vista o valor financeiro e emocional de um anel de noivado ou aliança de casamento – aconselha-se que o casal analise com carinho a possibilidade de investir em um seguro para essas joias. Imprevistos acontecem e, de uma hora para a outra, vocês podem se ver sem aquela peça tão importante e simbólica.

Conclusão

Gostaram das dicas pessoal? Esperamos que as informações tenham sido claras e que consigam fazer o seu seguro de alianças de casamento com sucesso!

Sugestões e dúvidas podem deixar nos comentários

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*